Serra com curva perigosa na MS-306 em Costa Rica recebe redutores de velocidade

Publicado em: 27/11/2020

A MS-306, primeira rodovia concessionada de Mato Grosso do Sul, tem recebido obras de melhoria em diversos pontos. Um deles é o trecho de serra entre os quilômetros 34 e 36, em Costa Rica, que está recebendo sinalização LERV, que são Linhas de Estímulo à Redução de Velocidade.

As LERV são linhas brancas paralelas na horizontal que provocam efeito visual e induzem o condutor a reduzir a velocidade do veículo ao limite determinado na via que é de 60 km/hora. Placas de sinalização vertical de advertência serão instaladas para reforçar as medidas de segurança e melhoria das condições de tráfego para os usuários da MS-306.

Além de atender a um pedido feito por condutores que utilizam a via, a sinalização tem foco educativo, pois visa conscientizar motoristas para o local com curvas fechadas que oferecem risco de acidentes. O gerente de operações da Way-306, Marcelo Ceccareli, garante que essa foi a solução mais adequada para estimular os motoristas.

“Os acidentes nesse local quase sempre se deve ao excesso de velocidade dos veículos de passeio e de caminhões. Usuários, inclusive, nos pediram essa sinalização para redução de velocidade em virtude do risco de acidentes”, pontua.

Segundo a concessionária essas Linhas de Estímulo à Redução de Velocidade serão aplicadas em outros trechos da MS-306 que oferecem algum risco aos condutores e também nas rotatórias.

Curva crítica terá traçado corrigido até 2023
Conforme o projeto de investimentos e atividades previstas no contrato de concessão da rodovia, a Way-306 tem até o final de 2023 para concluir a execução de diversas obras nessa curva crítica que compreende os quilômetros 34 e 36.

Logo que assumiu oficialmente a rodovia MS-306, que inicia na divisa de Mato Grosso do Sul com Mato Grosso e vai até a BR-158, em Cassilândia,

no final de abril de 2020, a concessionária deu início a execução do programa de Recuperação Emergencial que contou com várias frentes de trabalho de conservação e manutenção da via.

Investimentos – Durante os 30 anos do contrato de concessão, a Way-306 investirá R$ 1,7 bilhão na MS-306. Serão R$ 932 milhões em obras de melhoria e de infraestrutura, dos quais R$ 600 milhões nos cinco primeiros anos, e R$ 843 milhões na prestação de serviços de atendimento aos usuários e operação da rodovia. Somente no primeiro ano de concessão serão R$ 110 milhões entre recuperação do pavimento, construção das edificações e sistemas.

Fonte: PortalMS

« »