Polícia Civil de Chapadão do Sul resgata cachorro mutilado pelo dono

Publicado em: 21/01/2021
Proprietário do cachorro disse que estava embriagado quando agrediu o animal. Foto: PC/MS

Na tarde desta quarta-feira, dia 20 de janeiro, investigadores do SIG, Setor de Investigações Gerais da Polícia Civil de Chapadão do Sul se deslocaram até uma propriedade rural, distante 40km da cidade pra apurar uma denúncia de maus-tratos contra animais.

Ao chegarem no local, os policiais se depararam com um cão com cortes profundos pelo corpo e o focinho mutilado. O animal estava amarrado sob uma árvore com os ferimentos ainda expostos.

Identificado, o dono do animal disse que na noite de sábado se embriagou e agrediu o animal com golpes de facão por que “ele estava latindo”.

Segundo testemunhas, as agressões a facão só pararam por intervenção do irmão do agressor que o deteve de vir a matar o cachorro.

Devidamente qualificado, o homem só não foi preso por ter passado as 24 horas do ocorrido, tempo do flagrante. Mesmo assim foi qualificado e será indiciado pelo crime qualificado de maus-tratos contra animais, art. 32 da lei 9.605, o qual tem pena de até 5 anos de prisão.

O animal, extremamente dócil, foi resgatado pelos investigadores e transportado pela viatura policial até a cidade, onde foi internado em clínica veterinária.

O cachorro foi internado em uma clínica veterinária de Chapadão do Sul. Foto: PC/MS

Fonte: Jovemsulnews (Norbertino Angeli e c/ PC/MS)

« »